Pesquisar
A Seguir

Notícias de Destaque / Notícias de Última Hora

Valorize a Vida dos Outros Fazendo a Paz

2022-02-17
Detalhes
Download Docx
Leia Mais

Host: No sábado, 12 de Fevereiro, nossa Mais Amada Suprema Mestra Ching Hai graciosamente tirou um tempo de Seu retiro de meditação, para ligar para alguns dos membros da equipe da Supreme Master Television e ler uma história moral do Alcorão. Antes de compartilhar os versos iluminados, a Mestra abordou perguntas da equipe sobre algumas situações atuais do mundo.

“ Media report from BBC News Feb. 12, 2022 Reporter (m): Rússia está reunindo tropas perto da fronteira com a Ucrânia. Está realizando exercícios militares com a Bielorrússia. Quer que a OTAN prometa que a Ucrânia nunca vai aderir. E quer que a OTAN retire seus desdobramentos militares dos últimos anos da Europa oriental.

Vladimir Putin Translator (m): Os países membros da OTAN continuam a enviar uma grande quantidade de armas modernas para a Ucrânia, para contribuir para a modernização das forças armadas ucranianas. ”

“ Media report from BBC News Feb. 13, 2022 Reporter (m): Mais de uma dúzia de países instaram seus cidadãos a deixarem a Ucrânia. E tem havido novas tentativas de desarmar as tensões na região. na região. Em um telefonema, Presidente Joe Biden alertou o líder russo Vladimir Putin sobre os custos rápidos e severos se a Rússia enviar tropas. ”

“ Media report from WION Jan. 24, 2022 Reporter (m): Enquanto isso, a China enviou supostamente cerca de 39 aviões de guerra para a zona de defesa aérea de Taiwan no domingo. O governo da nação insular disse que esta é, de fato, a segunda maior incursão já registrada. A nação insular é uma nação democrática e governada por autonomia. No entanto, China disse que Taiwan faz parte de seu território, como parte de sua política maior, Uma China. E nos últimos anos, Xi Jinping também ameaçou, de fato, invadir e, se necessário, assumir Taiwan à força. O último trimestre de 2021 viu um aumento maciço no número de incursões da China na Zona de Identificação de Defesa Aérea de Taiwan. ”

(Por que a Mestra não mencionou as ameaças de guerra entre a China e Taiwan (Formosa) ou entre a Rússia e a Ucrânia?) Não mencionei? (Acho que não, Mestra.) Não? (Não.) Uau. (Bem, é assustador, Mestra.) (É uma coisa assustadora.) É assustador? (Sim, Mestra, é.) (Sim, meio assustador.) Uau. Talvez eu esteja com muito medo de mencionar isso. Talvez eu esteja com muito medo, como você. Então, somos todos um. Então, se você está com medo, eu estou com medo.

A razão pela qual eu não mencionei isso, é porque nós temos muitas outras coisas também. (Sim.) Claro, isso é urgente e está pressionando, e eu sei disso. Todo mundo sabe disso. Mas não acho que sejam tão sanguinários para causar muito mais sofrimento aos cidadãos do mundo. (Sim, Mestra.) Acredito que sejam decentes, idosos, e tenham inteligência suficiente para compreender e não fazer mais esse tipo de jogo de guerra bobo em nosso tempo. (Sim. Entendo.) É por isso que eu simplesmente não me preocupei muito com isso.

Você vê, as pessoas no mundo já sofrem demais. Você não acha? (Sim, Mestra. Eles sofrem.) Além disso, eu mencionei e já falamos sobre isso muitas vezes. E até exibimos alguns anúncios sobre como a guerra é terrível. (Sim, Mestra. Certo. Sim.) E quanto sofrimento e quanto isso custa vidas e financeiramente, (Sim.) para a guerra – antes, durante, e depois. (Sim, Mestra.)

Então, eu não acho que precisamos repetir de novo e de novo como se eles fossem idiotas. Eles são idiotas? Esperamos que não. (Esperamos que não.) E se forem, então não podemos fazer nada. Você não pode falar com idiotas, não importa quanto tempo. (Sim, Mestra.) Então, apenas sigo meus negócios. Sou uma mulher ocupada. Não? (Sim. Certo, Mestra.)

(Eles vão fazer guerra, Mestra?) Acho que não. (Oh, é bom ouvir isso. Uau.) Não importa o quê, estou muito cansada de falar para ouvidos surdos, se eles querem fazer a guerra. (Sim, Mestra.) (Vamos esperar que não.) E acho que não farão. Para quê? (Sim. Certo.) Vamos falar sobre a China agora, já que você perguntou.

Por exemplo, a China, eles não ganham nada, invadindo Taiwan (Formosa). Claro, eles ganham algo – um nome muito, muito ruim. (Sim, com certeza.) Para o mundo inteiro chamá-los, como um lobo valentão sedento de sangue, algo assim. Isso não soa legal? (Não, Mestra.) Não, e a história também os julgará assim. (Isso mesmo, Mestra.)

E quando eles terminarem sua vida na Terra, eles terão que ir para o inferno e suportar todo tipo de punição que é inimaginavelmente dolorosa e excruciante. Todos eles professam que são Cristãos ou Budistas, mas nem mesmo se lembram das leis de sua religião. Mesmo que digam que que são religiões separadas, mas todas as religiões apontam para o mesmo; se você fizer o bem, irá para o Céu, se fizer o mau, irá para o inferno. Você colhe aquilo que planta. E a lei do carma nunca falha.

Vejam, Deus lhes deu todo o poder e riqueza para distribuir, não para entesourá-los. E em vez de usar esse privilégio para ajudar seus cidadãos, eles o estão usando para produzir armas e armas assassinas, destrutivas em massa. E depois as usam para oprimir e assediar outras nações mais fracas. Isso lhes renderá muitos, muitos milhares ou talvez até milhões de anos infernais e sofrimento sem fim. […]

China tem um histórico muito grande de invasão de outros países. (Sim.) Âu Lạc (Vietnã), por exemplo, muito tempo atrás, há milhares de anos, frequentemente. E muitos outros países, Tibete e o que seja. Então, acho que é hora de eles aprenderem a lição da paz, e eles vão parar. […] (Sim, Mestra.) (Esperamos que sim.) Também espero que sim.

Taiwan (Formosa) é apenas uma pequena, pequena ilha, comunidade pacífica (Está certo. Sim.) Eles não estão criando problemas com ninguém, com nenhum de seus vizinhos. Eles não estão incomodando a China de forma alguma. E desde que se tornaram um país independente, há mais de cem anos, deixe-os em paz. (Sim. Está certo.)

Deixe Taiwan (Formosa) sozinho em paz. (Sim. Certo, Mestra.) Isso é o melhor para a China. Claro, é o melhor para Taiwan (Formosa) também.

E se eu fosse um líder chinês, recomendaria a Taiwan (Formosa) para ser um país independente e entrar na ONU como todo mundo. (Sim, Mestra. Sim.) Muitos outros países menores que Taiwan (Formosa) já estão na ONU, com toda dignidade e independência e respeito de todo o mundo. Não sei o que está errado, por que Taiwan (Formosa) não pode estar. (Sim. Sim, Mestra.)

E se os líderes […] chineses fizerem isso, deixe que Taiwan (Formosa) seja um dos membros da ONU, assim o mundo inteiro os louvará (Sim, isso mesmo.) e os taiwaneses (formosanos) orarão por eles, e assim serão ainda mais amigáveis com eles e mais cooperativos. ​É melhor para a China assim. (Sim, com certeza. Sim, verdade, Mestra.) […]

É claro, oro também pela China, Taiwan (Formosa), Ucrânia e Rússia. (Sim, Mestra. Nós também oramos.) Sim. Se você pensar sobre isso e tiver um tempinho, qualquer um pode orar por eles. (Sim. Sim, Mestra.)

A paz é a melhor vitória que você pode ter. (Sim.) Mesmo se você vencer a guerra sangrenta... Toda guerra é sangrenta. (Sim. Isso mesmo.) O que há quando você morre? O que você ganha? (Nada.) O que você traz para um metro quadrado em que está deitado? Se você tiver um metro quadrado. Às vezes eles já colocam alguém em cima de você ou abaixo de você. (Sim.) […] Quando você morre, você morre. Você não sabe mais nada de qualquer maneira. […]

Então, eu acho que se a China deixar Taiwan (Formosa) ser independente e recomendá-los e ajudá-los a ser uma nação para se juntar à ONU, essa será a melhor solução. (Sim, Mestra.) Essa é a melhor honra e prestígio para a China como uma grande nação, como liderança magnânima, (Sim, Mestra.) para qualquer outro país seguir. (Certo. Sim, Mestra.) China é um país muito culto, tem muitos, muitos milhares de anos de civilização. É melhor seguirmos todos os sábios e santos do passado e sermos um líder pacífico, generoso e grande na comunidade internacional. (Sim. Está certo.)

E a Rússia, acho que eles não querem mais invadir a Ucrânia. Depois da Crimeia, acho que eles se cansaram de reclamar de toda a comunidade internacional. (Sim, Mestra.) Eles não querem invadir a Ucrânia.

“ Media report from Sky News Feb. 11, 2022 Ben Wallace (m): Ouvi claramente do governo russo que eles não tinham intenção de invadir a Ucrânia. ”

“ Media report from Associatd Press Jan. 22, 2022 Antonio Guterres (m): Eu não acho que a Rússia vai invadir a Ucrânia. ”

“ Media report from ITV News Jan. 29, 2022 Translator for Sergei Lavrov (m): Não haverá guerra, no que depender da Federação Russa. Não queremos uma guerra. Mas não permitiremos que nossos interesses sejam grosseiramente pisoteados e ignorados. ”

“ Media report from CNBC Television Feb. 8, 2022 Michael O’Hanlon (m): Temos que calibrar a quantidade de ansiedade corretamente. Acho que a própria ansiedade é o objetivo de Vladimir Putin. Meu melhor palpite ainda é que ele não vai invadir, por causa do enorme custo que isso acarretaria. ”

“ Media report from RT June 7, 2018 Reporter (m): Veremos essa Terceira Guerra Mundial?

Translator for Vladimir Putin (m): Bem, lembre-se de Einstein, ele disse, “Eu não sei quais serão os métodos da 3ª Guerra Mundial, mas a Quarta Guerra Mundial será travada com paus e pedras.” Assim, a percepção de que a Terceira Guerra Mundial pode significar o fim da civilização. Essa percepção, essa ideia, deve nos impedir de dar passos perigosos, globalmente. ”

É só eu acho, porque eles se sentem meio que talvez isolados e sufocados, então eles querem expressar sua força para permitir que a comunidade internacional reconsidere como tratá-los. (Oh.) Como tratá-los e depois também mostrar a energia deles, para que as pessoas terão mais respeito. Algo parecido. Eu acho. (Sim, Mestra.) Caso contrário, não acho que eles queiram invadir a Ucrânia. Por que razão? Não consigo entender por qual motivo eles fariam isso. (Sim, Mestra. Eles não têm nenhum motivo.) Não consigo descobrir por que e o que eles ganhariam? Mais contribuintes? Para quê?

Os líderes da Rússia, convenhamos, já são todos muito idosos. Eles sabem melhor. Não? (Sim, Mestra.) Eles não trazem nada para o túmulo, se eles ainda têm um túmulo para ir. Se eles fizerem guerra, talvez eles também morram, e talvez suas cabeças serão explodidas ou seus intestinos desaparecem e todo o seu corpo em pedaços. Quem sabe? (Sim. Certo.) Desde tempos imemoriais, a história mostra que muitos líderes morrem uma morte muito cruel e horrível. (Oh.) Então, talvez eles nem possam ser enterrados. Então, qual é a utilidade de invadir qualquer país e causar derramamento de sangue e sofrimento e amaldiçoá-los? E depois eles vão para o inferno por isso. […]

Então, qual é a utilidade de invadir qualquer coisa? Estou cansada de dizer isso a eles. Mas eles sabem disso. Por isso não falo mais sobre isso. (Sim, Mestra. Entendo, Mestra.) Já falamos sobre isso muitas vezes. (Sim, Mestra.) E ainda estamos transmitindo o custo da guerra e o sofrimento, e quantos milhões morrem em cada guerra, por exemplo assim. Ainda fazemos isso. (Sim, Mestra.) Então, essa já é a minha fala.

Eu lhes disse para fazerem o anúncio, de qualquer forma. (Sim, Mestra.) Então, essa é a minha fala, por trás de todas essas cenas, essas cenas horríveis, cenas infernais. Então, eu não sinto que preciso falar mais. (Certo, Mestre.) Eu pensei, “Deixe as crianças fazerem barulho se assim o desejarem.” Um jogo. Como jogo de computador. Exceto que isso não é um jogo; é a vida real! (Sim. Está certo.) Pessoas reais. Sofrimento real. Derramamento de sangue real. E um conflito internacional real. Uma verdadeira lasca internacional de amizade e cooperação. (Sim.)

Estou simplesmente cansada de falar com surdos. Se eles ainda não ouvirem, eu não me incomodo. Se eles ainda querem fazer guerra, então, “Deixe os mortos enterrarem os mortos,” como Jesus disse. Sempre digo isso. (Sim, Mestra.) Jesus está certo. Eles não sabem que já estão mortos, porque se não forem espiritualmente iluminados, eles estão mortos. Se eles não entendem isso, uma pequena verdade básica sobre guerra e paz, eles estão mortos. (Sim, Mestra. É verdade.) Se eles ainda querem fazer guerra - matando outros e pessoas inocentes e crianças que não estão envolvidas, observadores, pela guerra, então eles já estão mortos. (Sim, Mestra.) E suas almas serão capturadas no inferno muito antes de seu corpo físico ter murchado. […]

Para que a Rússia quer invadir a Ucrânia? A Rússia já é muito rica. (Certo. Sim, Mestra.) Mais alguns contribuintes não tornam Putin mais gordo ou mais bonito ou mais jovem. (Sim. Certo.)

Tudo bem. […] Mais alguma pergunta e dúvida relacionada ao que eu disse ou sobre o tema? (Bem, sim, porque eu acho que o mundo está preocupado porque a Rússia está acumulando centenas de milhares de soldados, então quando eles dizem que não querem invadir, a comunidade mundial realmente não acredita neles.) […]

Eles devem acreditar nisso. A Rússia não quer invadir. (Certo.) Eles devem acreditar no que dizem. (Sim.) Só que eles têm algumas demandas e a comunidade internacional não respondeu, é por isso. Há tantos soldados da OTAN lá, e eles estão com medo. (Oh, Ok.) Número um. Número dois, eles inventam desculpas para a Rússia também ter suas tropas lá, dizendo que eles têm que proteger sua própria fronteira e seu próprio país, a Rússia. Se as tropas da OTAN, as tropas internacionais não estivessem lá, eles não teriam nenhuma desculpa para fazer isso. (Certo.) Então, eles têm que conversar um com o outro. […]

[…] Rússia realmente não quer invadir a Ucrânia. É apenas um jogo - eles querem ganhar alguma coisa. (Ok, Mestra.) Eles também querem relaxar algumas das […] sanções internacionais. (Certo. Ok.) Semelhante à Coréia do Norte. Eles também estão fazendo um grande barulho por causa das sanções. (Sim.) A comunidade internacional deve confiar uns nos outros, (Certo. Sim.) e relaxar as restrições entre si. Depois de tudo dito e feito, eles devem conversar um com o outro, e fazer algumas concessões ou algum compromisso ou algo assim. (Sim, Mestra.)

Porque as sanções também estão sofrendo a qualquer país. (Sim, é.) Eu sei disso de Âu Lạc (Vietnã); depois da guerra, trinta anos de sanções. (Sim, Mestra.) As pessoas sofrem, sofrem, sofrem, sofrem. sofrem, sofrem. Não o governo. (Sim.)

Então, se algum grupo ou comunidade internacional quer punir alguns líderes ou o governo de algum país, eles não estão fazendo isso bem – porque o povo sofre, não o governo. (Sim. Isso é verdade.) Muito menos os líderes. Eles sempre terão seus carros de luxo, guarda-costas, um bom palácio e segurança, boa comida, bom dinheiro no banco – eles têm tudo. (Sim. Certo.) Eles nunca serão afetados de forma alguma. (Sim, Mestra. Isso mesmo.) Os líderes de qualquer país, todos os governos, todos vivem bem.

Então, isso é ridículo de qualquer forma sancionar qualquer país, por qualquer motivo. (Sim, Mestra. Sim. Verdade.) Você só pune os cidadãos, os cidadãos inocentes, os cidadãos indefesos de seu país – não os líderes, não os governos. Eles nunca são afetados de forma alguma. (Sim. É verdade, Mestra.) Exceto na guerra, talvez eles morram se você os bombardear. (Certo. Sim, Mestra.) Mas na maioria das vezes eles teriam a fantástica casamata pronta em algum lugar. Muito difícil atingi-los. (Certo. Sim.) Então, eu digo, bem, este mundo é louco. (Sim.)

Se todo esse dinheiro para armas e destruição e guerra puder ajudar as pessoas pobres, então nosso mundo já seria um paraíso há muito tempo. (Sim, Mestra.) Não ajudar os pobres esperando que os problemas venham, e depois vai e lhes dão algum dinheiro como um figurão da caridade. Não!

Ajude-os dando-lhes algum meio ou algum apoio financeiro para que possam cuidar de si mesmos. (Certo. Sim, Mestra.) Como fazer negócios ou dar-lhes terra para cultivar – o que eles quiserem. Eles não querem muito. A maioria das pessoas, só querem o suficiente para ter comida na mesa, roupas para seus filhos, e educação para eles. Isso é tudo que eles querem. E eles poderiam cuidar de si mesmos se tivessem os meios de fazê-lo. (Sim. Isso é verdade. Sim, Mestra. Está certo.)

Os governos podem dar a eles todo o dinheiro que economizaram com guerra, armas relacionadas à guerra, e pagamentos e treinamento de exército. E tudo isso pode ajudar a construir a nação, e ajudar os pobres a se sustentarem, como dar-lhes empréstimos sem juros, com prazo de retorno, só para motivá-los a fazer bons negócios. E dar empréstimos aos estudantes pobres, mas diligentes, mesmo que suas notas possam não ser excelentes. Mas se eles estudam diligentemente e parecem apreciar a educação, então dê a eles uma bolsa de estudos ou educação gratuita.

Em Âu Lạc (Vietnã), quando eu era mais jovem, estávamos na guerra e ainda tínhamos educação gratuita até o ensino médio, até terminar o ensino médio. E tinha até bolsas de estudo para muitos alunos também. Mesmo durante a guerra. E não éramos um país rico. Então, não consigo ver por que outros países poderosos não usam mais dinheiro para ajudar os pobres a fazer seus próprios negócios, ou se educarem para serem cidadãos úteis no mundo. Todos deveriam fazer isso em vez de fazer guerra, matar uns aos outros e matar todos os cidadãos inocentes.

Meu Deus, já tivemos sofrimento suficiente, de verdade. E teremos mais sofrimento se eles não mudarem de mentalidade. Usando o poder e a habilidade dados por Deus e desperdiçando o precioso dinheiro do contribuinte só para matar. Tudo isso os levará ao inferno. Não é apenas nesta vida que eles estão prejudicando o mundo e os outros, ou talvez a si mesmos ou sua reputação também, mas no inferno eles sofrerão tortura sem fim, sem fim, sem fim, de todos os tipos. Estou dizendo a verdade e espero que eles estejam ouvindo antes que seja tarde demais. Porque no inferno, ninguém pode ajudá-los. Ninguém. Nem mesmo Deus.

É bom que a comunidade internacional esteja ajudando as pessoas em regiões devastadas pela guerra e em alguns desastres e tudo isso, mas se cuidarmos da raiz, não teremos que ter todos esses desastres ou vítimas de guerra ou refugiados e toda essa coisa. (Sim, Mestra.) A raiz é a paz! (Sim.) A raiz é ajudar os pobres a se ajudarem. Não esperar até que sofram em guerras e desastres por causa da mudança climática, por causa dos problemas, e depois vem e ajudam. A essa altura, eles já perderam suas casas, perderam muitos de seus parentes e amigos, perderam suas propriedades, perderam sua dignidade e até mesmo a vontade de viver. É tarde demais. Então, é melhor reorganizar este mundo, como ajudar os pobres a se ajudarem. (Sim. Certo.)

Nenhuma guerra, nunca, zero! A guerra nunca resolve nenhum problema. Só piora. (Certo. Verdade, Mestra.)

No começo pode parecer bom para o vencedor – apenas temporariamente, mas eles irão para o inferno e sofrerão dez milhões de vezes mais do que a guerra que causaram para outras pessoas sofrerem. Eles só não sabem disso... Ainda. Espero que eles não precisem saber disso, parando qualquer guerra possível, apenas ajudando os pobres de seu próprio país a se manterem de pé e cuidando de sua própria família e filhos.

É muito fácil fazer isso, (Sim.) se você não gastar tanto dinheiro em todos esses jogos de guerra bobos, (Sim.) e acumular riqueza enquanto os outros não têm nada para comer. Matando uns aos outros apenas para ganhar lucro e fama. E o mundo será um paraíso.

Não é difícil fazer deste mundo um paraíso. Só que ninguém queria fazer isso. Em primeiro lugar, apenas pare a mantaça de humanos e pessoas- animais, é isso. (Sim. Certo.) Todo esse dinheiro do sofrimento pela pandemia, doenças, enterro de pessoas e derramamento de sangue, todo esse sofrimento vai acabar. Todo o dinheiro, teremos muito. Podemos distribuí-lo aos pobres para que eles possam se autogerir. (Sim, Mestra.) […]

Então, eles deveriam parar de pecar, e pensar. Parar e pensar. Vão aprender alguma meditação ou algo assim, prepare-se para o funeral deles. Chega em breve, a qualquer hora. Não porque sejam de velhice, mas porque a vida é efêmera. (Certo. Isso mesmo.) Pode acontecer a qualquer momento. (Sim.) Muitos líderes morrem. Muitas celebridades internacionais famosas morrem, dessa forma, seja de COVID, ou acidentes, ou acidentes de carro, ou acidente de avião, seja o que for. Por que eles não aprendem com essa natureza efêmera da vida, e se comportam? Basta ir e aprender algum método iluminado em algum lugar, e repensar sobre como eles tratam a vida e os outros. (Sim, Mestra.)

Ok. Espero que esta seja a última vez que falamos sobre essas coisas bobas como guerra e tudo mais. Meu Deus! Já estamos no século 21! Ainda quero ir e “bang, boom” e matar os outros. Isso é realmente tão... tão infantil, tão imaturo, tão estúpido. Ok? (Sim, Mestra.) [...]

Espero que as pessoas acordarão e lembrarão de Deus, e agradeçam todos os dias, sejam gratas, sejam humildes, e mudem seu modo de vida. Por exemplo, tanto quanto eles valorizam suas vidas, eles devem valorizar a vida de outras pessoas não fazendo guerra, mas criando a paz. E valorizar a vida de outros seres que também amam a vida e não o sofrimento e a morte, como o povo-animal. […] E compartilhar o que eles podem compartilhar com os vizinhos necessitados. Então nosso mundo não terá problemas. […]

Eu lhes disse, os humanos são sua própria pandemia. (Sim, Mestra.) E ainda sou dessa opinião. Espero que mudem, e rápido, rápido, rápido, caso contrário, todos estarão condenados. nem sei quando. Quem sabe quando? […]

Seja vegano, faça paz, faça boas ações; isso é tudo que eles têm que fazer. […] Espero que todos acordarão e farão isso. (Nós também esperamos, Mestra. Sim, realmente esperamos que sim.) E mesmo que você não busque o Céu, você terá o Céu, e bem na frente de seus olhos. (Certo.) Não há necessidade de ir atrás da morte ou qualquer coisa. E, claro, depois que você morre, o além também é o Céu. (Sim.)

Vamos orar para que as pessoas acordem, sejam iluminadas de alguma forma e respeitem todos os ensinamentos dos Mestres no passado, e talvez no presente e futuro. Amém. (Amém.) […]

Host: Nossa sincera gratidão, Mais Amada Mestra, por Sua inestimável Sabedoria para nosso mundo e todos os líderes no poder. Que o Cuidado ilimitado da Mestra por todos os seres desperte a humanidade para trazer rapidamente o Éden na Terra, e encoraje todos aqueles em posições de privilégio e autoridade a escolherem a paz e a retidão, salvando assim suas almas daqui em diante. Oramos fervorosamente pela reconciliação de todas as nações e que um futuro vegano chegará em breve. Desejando à Amada Mestra bem-estar e tranquilidade duradouros, no Poderoso apoio de todos os Protetores Celestiais.

Para ouvir as valiosas lições da Mestra contando a estória do Alcorão, e aprender a diferenciar pessoas confiáveis ​​na política, bem como as estratégias políticas que são usadas para dividi-las, por favor, sintonize em Entre Mestra e Discípulos na sexta, 1 de Abril de 2022, para a transmissão completa desta conferência.

Além disso, para sua referência, por favor, verifique as conferências anteriores relacionadas Notícias de Última Hora/Entre Mestra e Discípulos, tais como:

Notícias de Última Hora:

Abandone a Carne por um Mundo Pacífico e um Planeta Saudável

Informações Importantes do Chefe do COVID

Conselhos da Suprema Mestra Ching Hai a Todos os Fiéis Religiosos e a Solução para o Nosso Mundo em Crise

Entre Mestra e Discípulos:

Quando a Honestidade É Perdida: Sinais da Última Hora do Hadith

Padres Católicos Devem Pregar o Verdadeiro Evangelho do Senhor Jesus

O Título do Verdadeiro Santo

Ser Vegano Traz à Tona Nosso Amor e Benevolência

O Glorioso Sacrifício do Senhor Jesus Cristo pela Humanidade

Compaixão Real e Padrões Morais São a Solução Real

Assista Mais
Lista de Reprodução
Compartilhar
Compartilhar Para
Embutir
Iniciar em
Download
Celular
Celular
iPhone
Android
Assista no navegador do celular
GO
GO
App
Escanear o QR code, ou escolha o sistema de telefone certo para baixar
iPhone
Android